Amadas

Internet speed tests

Plano de 88252

É essa pessoa quem tem que superar o término, caminhar para a frente, vida que segue. Mas e a outra pessoa? E como sofre. Muitas vezes o faz sofrer mais. Quem termina se martiriza, se culpa. Mas quem deixou sempre pode fazer algo. Um mês depois, um ano depois. E se eu ligar?

Tive dois namoros até hoje. Um durou 6 anos e o outro 1 ano e meio. No primeiro, fui eu que tomei a iniciativa de terminar. Começa por aí: é preciso atirar para longe o sentimento de culpa. E, acreditem, eu digo isso por experiência própria. Hoje, os momentos que passo sozinha, com os amigos e a família valem cada dia mais. Consigo sentir amor em outras esferas, entendem? Acredito que pessoas bem-resolvidas possuem relacionamentos melhores, sem carência, sem exigências absurdas, sem responsabilizar o outro pela nossa felicidade!

To browse Academia. Remember me on this computer. Download Free PDF. Macedo Pires.

Esses dias perguntamos no nosso perfil no Instagram blogjustrealmoms o que nossas seguidoras gostariam de ler aqui no blog. Quando se tem filhos, na maioria das vezes, os pais naturalmente se dividem de acordo com suas próprias personalidades: um acaba sendo mais mole e bonzinho e o outro faz o papel do mais rígido. A psicóloga e escritora Dra. Olga Tessari. É preciso cuidar de si, tem que ter tempo de ir ao cabeleireiro, ler um livro, sair, copular novas pessoas, se relacionar e mesmo assistir novela. Os filhos têm que ser criados para ter independência e o filho mais velho nunca deve ser tratado como o pai dos menores, caso a mulher tenha restante crianças em casa. Aprenda a viver sozinha. Dê tempo ao tempo e esteja aberta.

Leave a Reply